Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Governo vai construir terminal para transporte alternativo e liberar passagem de cobradores em ferry boats - NOVA FM 93.1 - A Rádio de Verdade!


No comando: CLUBE DA INSÔNIA

Das 00:00 às 06:00

No comando: PE REGINALDO MANZOTTI

Das 05:55 às 06:05

No comando: PE REGINALDO MANZOTTI

Das 07:00 às 08:00

No comando: OSVALDO E ANDREZZA

Das 07:00 às 09:00

No comando: ANDREZZA CERVEIRA

Das 07:00 às 09:59

No comando: JOTA A

Das 08:00 às 12:00

No comando: SILVANA LOBATO

Das 09:00 às 12:00

No comando: SILVANA LOBATO

Das 10:00 às 12:00

No comando: NILO GOMES

Das 12:00 às 14:00

No comando: THE PAUL

Das 12:00 às 15:00

No comando: THE PAUL

Das 12:00 às 15:00

No comando: JOTA A

Das 14:00 às 15:59

No comando: PAULINHA LOBÃO

Das 16:00 às 18:00

No comando: WALTER JÚNIOR

Das 22:00 às 23:59

Governo vai construir terminal para transporte alternativo e liberar passagem de cobradores em ferry boats

O governo do estado anunciou melhorias para os operadores do transporte alternativo que utilizam o serviço de ferryboat nos Terminais do Maranhão. As novidades foram anunciadas pela Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB) durante reunião com representantes das cooperativas do transporte e representantes das empresas Internacional Marítima e Serviporto.

Deve ser implantada, em breve, a gratuidade na passagem dos cobradores das vans e microônibus nas embarcações e a construção de um terminal de passageiros para utilização das cooperativas que deverá ser construído numa área do Anel Viário, em São Luís.

Durante a reunião as empresas que operam as embarcações explicaram a atual situação de cada uma frente ao desafio de melhorar a oferta de viagens entre os portos de Ponta da Espera e Cujupe. Atualmente, a Internacional Marítima opera com três embarcações e a Serviporto garantiu o retorno de duas embarcações à atividade, uma delas logo na primeira quinzena do mês de junho.

“Estamos sempre dialogando com as partes, buscando atender tanto os operadores do sistema quanto a população que se utiliza dos ferryboats para ir e vir da região da Baixada Maranhense. O governador Carlos Brandão determinou prioridade na solução dessa situação e vamos resolver sempre com muita transparência”, explicou o presidente da MOB, Celso Henrique.

Deixe seu comentário: